Sidney Rocha

Sofia 

Por onde Sofia passa, seu cabelo dançarino deixa um rastro de música. Tem o poder de encantar as pessoas com a simples presença, às vezes com a ausência. É misteriosa sabedoria, atraente ventania. Igual às mais saborosas canções, Sofia é sempre festa. O narrador deste romance apaixonou-se pela garota-dança e quis ficar com Sofia somente para si. Mas Sofia é de todos nós e não é de ninguém. Sobrou a saudade, que o narrador-poeta tenta suavizar contando a história de sua fabulosa amada. Será que ela existiu mesmo? Faz tanto tempo que Sofia se foi com o vento — as lembranças parecem mais saudade inventada do que separação real.

Código: 0393L21603 

Material de apoio 

Vídeo do professor 

 
 

Vídeo tutorial do professor para as atividades